terça-feira, 25 de maio de 2010

Chás Emagrecedores - Poderosas Ervas


"As plantas desenvolveram ao longo de sua evolução um arsenal de substâncias que servem para defender sua própria existência". A afirmação do químico Benjamin Guilbert, da Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro, nos leva a pensar que, por isso, muitas plantas ajudam o homem a se defender daquilo que pode prejudicar sua saúde. Segundo os especialistas, o uso de ervas medicinais é tão antigo quanto a raça humana.

Várias opções

DIURÉTICAS
CAVALINHA (Equistem arvense), DENTE-DE-LEÃO (Taraxacum officinalis) , ABACATEIRO (Persea americana), QUEBRA-PEDRA Phyllantus niruri), CABELO DE MILHO (Zea mays), SABUGUEIRO (Sambucus nigra).
Ação: Retenção de líquidos. Atuam nos rins e na glândula supra-renal, inibindo um hormônio chamado cortisona, que impede a perda de peso.

DIGESTIVAS
CÁSCARA-SAGRADA (Rhamnus purshiana), CHAPÉU-DE-COURO (Echinodorus macrophyllus), ZEDOÁRIA (Curcuma zedoaria), HIBISCO Hibiscus sabdarifa), PSILIUM (Plantago psyllium), FUCUS (Fucus vesiculosus).
Ação: Prisão de ventre. Essas ervas regulam as atividades do fígado. Assim, a bílis, produzida por esse órgão, passa a quebrar a gordura em moléculas menores, facilitando sua absorção pelo intestino. Alimentos "pesados", como carnes e gorduras não ficam parados no estômago causando sensação de estufamento e azia.

DESINTOXICANTES

ALFAFA (Mendicago sativa), BUGRE ou CHÁ-DE-BUGRE (Casearia sylvestris), SALSAPARRILHA (Smilax sp), CHÁ VERDE (Camellia sinensis), ESPINHEIRA-SANTA (Maytenus ilicifolia), BARDANA (Arctium lappa).
Ação: Eliminar toxinas. Captam as toxinas (substâncias responsáveis por desequilibrar as funções das células e ocasionar o aumento de peso) e tratam de eliminá-las através da urina, do suor ou das fezes.

CALMANTES

ALECRIM (Rosmarinus officinalis), CAPIM-LIMÃO (Cymbopogon citratus), HORTELÃ (Mentha piperita), MELISSA (Melissa officinalis), CAMOMILA (Matricaria chamomile), JASMIM (Jaminum officinalis), MULUNGU (Erythrina mulungu).
Ação: Ansiedade. As ervas interferem no sistema nervoso, trazendo sensação de tranqüilidade e calma. E isso é ótimo para evitar a compulsão.

EMAGRECEDORES
ALFAFA (Mendicago sativa), CAVALINHA (Equistem arvense), CANA-DO-BREJO (Costus spicatus), CARQUEJA (Baccharis trimera), CAPIM-LIMÃO (Cymbopogon citratus), GRAVIOLA (Anona muricata). Ação: Facilitar o emagrecimento. Atuam nos rins, fígado e intestino, regulando as atividades desses órgãos e acelerando o metabolismo. Agem na quebra dos lipídios, que são eliminados pelas fezes. Algumas dessas ervas também têm efeito laxativo.

Atenção para estas dicas:

· Não se deve misturar mais de duas ervas de cada grupo, pois ao invés de fazer bem, pode fazer mal à saúde.
· Usadas de forma errada, as ervas podem apresentar grau de toxicidade alto.
· Grávidas e lactantes jamais devem ingerir qualquer chá sem antes consultar seu médico. O mesmo vale para portadores de moléstias graves ou em tratamentos com medicamentos especiais.
· Não é recomendável fazer uso contínuo dos chás, evitando assim transtornos no metabolismo. Chás do tipo laxante, por exemplo, em excesso, podem provocar desidratação. O ideal é tomar por 30 dias, fazer uma pausa de uma semana e voltar a consumir uma outra erva do grupo
.


Fonte: www.jardimdeflores.com.br

Permita-se ficar triste ( Centro de Psicoterapia Individual e em Grupo)


Atualmente, os termos depressão e tristeza parecem ser quase sinônimos. Observamos que as pessoas tem uma tendência de se autoproclamarem deprimidas, como se fosse vergonha dizer que se sentem tristes. Por que isso?

Vivemos em uma sociedade do espetáculo (expressão criada pelo pensador francês Guy Debord, em 1968) onde a vida real é pobre em termos objetivos e subjetivos. A mídia televisiva, principalmente, por meio das novelas e programas de auditórios, cria um ambiente e personagens perfeitos onde todos são lindos, magros, ricos, inteligentes, bem sucedidos, etc. Sabemos que na vida real, a maioria de nós não consegue alcançar este ideal de perfeição e o fato de não conseguirmos dar conta dessa demanda gera doenças emocionais, como a depressão, os transtornos alimentares, a vigorexia (compulsão por exercícios físicos), entre outros.

Em uma sociedade onde não podemos ficar tristes (pois necessitamos ser fortes, corajosos e felizes todo o tempo), somente nos é permitido expressar nosso descontentamento com as dificuldades que a vida nos impõe, adoecendo ou achando que estamos doentes. Daí esta ser uma possível explicação, para as pessoas confundirem tanto a depressão com uma tristeza.

Podemos afirmar que a tristeza é pontual, geralmente, decorrente de uma perda real ou simbólica de um parente (por exemplo, um filho que foi morar no estrangeiro), um amigo, um animal de estimação ou mesmo a perda de um emprego. Quando estamos tristes, na maioria das vezes, identificamos com clareza o motivo de nossa tristeza. É um estado que costuma durar alguns dias ou até aproximadamente dois meses, tempo necessário para elaborarmos esta situação de perda.

A depressão e seus estados depressivos são bem diferentes. Pode estar contida ou não uma sensação de tristeza, contudo, ela é uma sensação difusa. Não sabemos exatamente, porque estamos tristes. Dormimos muito ou pelo contrário, dormimos pouco, não temos apetite ou comemos em demasia. Sentimo-nos apáticos, sem energia para realizarmos nossas tarefas cotidianas ou nos sentimos sobressaltados e muito ansiosos.

Geralmente, quando nos sentimos assim, por mais de 2 meses e percebemos que aquilo que antes sempre realizávamos com facilidade e prazer, passa a ser realizado com dificuldade, esforço e sofrimento, então é hora de pensar em buscar uma ajuda médica e psicológica. Quando este quadro de sensações e sintomas começa a atrapalhar nossa vida social e nossa capacidade laborativa e criativa, então é importante acendermos nosso sinal vermelho, de que algo não vai nada bem.

A depressão, muitas vezes, surge em decorrência de múltiplos fatores externos (por exemplo, muita pressão no trabalho, aliado a preocupações com os filhos, com a própria saúde, questões antigas que estão mal resolvidas e que vem à tona por diferentes motivos) e internos. Por isso, é responsabilidade do psicólogo avaliar junto com o cliente a necessidade de buscar ou não um suporte médico e tomar uma medicação para ajudá-lo a sair da depressão.

Nos casos graves de depressão, esta "dobradinha" costuma dar muito certo. Nos casos mais leves, muitas vezes a psicoterapia por si só, dá excelentes resultados. É através da psicoterapia que o cliente vai reconhecer e identificar os fatores de perturbação emocional. Assim, poderá fazer os ajustes necessários em seu cotidiano, elaborar e dar um novo significado àquilo que gera desequilíbrio em sua vida.

Nos casos de tristeza profunda, a psicoterapia pode servir como um tratamento preventivo, para que possamos elaborar e resignificar uma determinada perda em nossas vidas.

A capacidade de nos sentirmos tristes, de fazermos contato com as nossas dificuldade e tristezas, sem necessitarmos nos anestesiar com drogas legais (incluímos aí o uso abusivo de tranqüilizantes) ou ilegais, como uma maneira de tamponar a dor e o sofrimento, é um sinal de saúde. Como vivemos em uma sociedade em que as pessoas parecem estar muito desconectadas de si mesmas, poder identificar e reconhecer seus sentimentos bons e ruins é o primeiro passo para se buscar uma maior qualidade de vida.

Procure fazer contato com si mesmo: Quais são as suas características positivas e negativas?

Integre de maneira consciente seus pontos fortes e fracos: O que posso melhorar? Quais são meus limites?

Tente distinguir quando está triste com alguma coisa e quando está com risco de desenvolver um quadro depressivo. Sua tristeza tem um motivo? Como andam seu sono e apetite?

Fonte: Rodrigo Garcez (Psicólogo com especialização no Tratamento e Prevenção ao Uso Abusivo de Álcool e Drogas. Idealizador do Espaço Despertar- Centro de Psicoterapia Individual e em Grupo, no Rio.)

terça-feira, 11 de maio de 2010

1º Forró com Samba em Salvador


O quê ?1º Forró com Samba
Quem? Grupo Fora da Mídia
Quando? 16/05/2010
Horário? às 14h
Onde? Estacionamento em frente a Escola de Engenharia Eletro-Mecânica. Nazaré
Quanto ? R$10
Ingressos : Sede do Bloco Alerta Geral
(Politeama)

" The Best Beach " agitará a Praia da Ribeira




Serviço :

Dia : 23.05.2010
Local : Ribeira
Atrações: Arlindo Cruz e convidados
Valores 1º lote:
Pista Individual R$ 30,00
Pista Casadinha R$ 50,00
Camarote R$ 50,00

Informações: (71) 8165 - 0452

Mariene de Castro lança seu CD "Santo de Casa "


Teatro Castro Alves


Ingressos à venda (inteira): R$50 (Filas A a W) e
R$40 (X a Z11)
Bilheteria Principal - Tel.(71) 3117-4899
Informações:
http://www.marienedecastro.com.br/

BATE & VOLTA ╚► DA BAHIA EVENTOS 2010


Preço de Lançamento: R$115,00 * pacote ( BTV + ingresso pista) - 3 x no cartão ou à vista R$185,00* pacote ( BTV + camarote) - 3 x no cartão R$50,00 somente o Bate Volta * Preço por tempo limitado Saída: Frente do Shop Iguatemi, às 12:15 Ônibus Executivo com banheiro, Open Bar, e muita animação!!!

╚►Serviço do Evento

Local: Parque Villa da Mata

Data: 20 de junho 2010

Horário: 14h (Abertura dos Portões)

Cidade: Mata de São João – BA

Endereço: a 60km de Salvador, 50 minutos de carro

Pista: 69,00 (meia) – 5 fichas de cerveja, água ou refrigerante.

Camarote: R$140,00 – 5 fichas de cerveja, água ou refrigerante e mais 02 fichas de whisky.

(71) 8776-9209

DA BAHIA EVENTOS