terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Conab e Acbvigor distribuem feijão para famílias no São Caetano


É inquestionável a importância do feijão na alimentação do povo brasileiro. Apostando na mudança de vida de comunidades carentes, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) é a empresa oficial do Governo Federal encarregada de promover e administrar as políticas agrícolas e de abastecimento, visando assegurar o atendimento das necessidades básicas da sociedade. Com a intenção de combater o desperdício na safra de feijão em 2007, a Conab disponibilizou para a Comunidade do São Caetano cerca de quatro toneladas de feijão para abastecer cerca de 630 famílias.O cadastramento das famílias foi feito em agosto deste ano e teve como critério a carência em na sua renda mensal para adquirir produtos da cesta básica. A liberação do feijão foi dada pela Conab agora em dezembro e será distribuída pela Associação Beneficente de Vila Tiradentes, Goméia e Roma (Acbvigor) .
A falta de estudos mais profundos sobre o feijão, tem provocado algumas incertezas quanto ao futuro da produção e consumo desse alimento. No Brasil, o feijão é cultivado de Norte a Sul, em diferentes épocas e variados climas. É cultura de subsistência, mas também ocupa posição de destaque como agricultura empresarial de alta produtividade e rendimento econômico.É bem verdade que a satisfação das necessidades nutricionais é condição indispensável para a sobrevivência de seres humanos. Entretanto, os significados da alimentação para as sociedades não podem ser compreendidos apenas a partir de indicadores nutricionais. Na alimentação humana se materializa a estrutura da sociedade, se atualizam a interação social e sócio-ambiental, as representações socioculturais (crenças, normas, valores) que dão significado à ação social.


Nenhum comentário: